Sisutec Pronatec

O Brasil passa por uma nova movimentação política, uma fase que trabalha em virtude da criação de diversos projetos sociais voltados para a educação.


Os programas do governo federal são fundamentais para aqueles estudantes que necessitam se inserir no mercado de trabalho e talvez pela baixa condição financeira não conseguem obter novos cursos e assim conseguir certificados, que irão ajudar em um novo trabalho e posterior complemento de renda familiar. Entre os programas estudantil do governo federal está o Sisutec Pronatec, voltado para os estudantes do território nacional.

Segundo a página oficial do Sisutec Pronatec, trata-se de um projeto para atingir níveis elevados de estudo. “O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) foi criado pelo governo federal, em 2011, com o objetivo de ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica”.

Ainda de acordo com as informações prestadas oficialmente pelo órgão, o Sisutec Pronatec visa “expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio e de cursos de formação inicial e continuada ou qualificação profissional presencial e a distância; construir, reformar e ampliar as escolas que ofertam educação profissional e tecnológica nas redes estaduais; aumentar as oportunidades educacionais aos trabalhadores por meio de cursos de formação inicial e continuada ou qualificação profissional; aumentar a quantidade de recursos pedagógicos para apoiar a oferta de educação profissional e tecnológica”, além de melhorar a qualidade do ensino técnico.

Saiba como participar do Sisutec Pronatec

Os cursos do Sisutec Pronatec são gratuitos, e se enquadram em uma séria de perspectivas. “No Pronatec são oferecidos cursos gratuitos nas escolas públicas federais, estaduais e municipais, nas unidades de ensino do SENAI, do SENAC, do SENAR e do SENAT, em instituições privadas de ensino superior e de educação profissional técnica de nível médio”.

Para os interessados, é importante ressaltar que existem três tipos de cursos: técnico para quem concluiu o ensino médio, com duração mínima de um ano; técnico para quem está matriculado no ensino médio, com duração mínima de um ano e formação Inicial e Continuada ou qualificação profissional, para trabalhadores, estudantes de ensino médio e beneficiários de programas federais de transferência de renda, com duração mínima de dois meses.

Para mais informações e para que possa entender este programa estudantil do governo federal, o aluno ou interessado deve acessar o site Pronatec 2015. A página é bem explicativa e há campos informatizados para entendimentos de todos.



Seja um leitor VIP!


Receba nossas novidades em primeira mão


3 Comentários

  1. Raquel da Rosa Oliveira Toni
  2. maria emilia monteiro da silva
  3. Anderson Diego da silva

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *